O protão encolheu

altUm grupo de oito investigadores portugueses foi convidado a estar entre os melhores do mundo numa experiência que visava medir com precisão o raio do protão. O resultado final foi inesperado e promete abalar algumas certezas da física nuclear: afinal, o protão é mais pequeno do que se julgava. 


( 4 Votos )
 
Fífias do século XX

altPoucas investigações do século passado criaram semelhantes expectativas e produziram resultados tão exíguos (ou mesmo nulos) como a psicanálise, a Estação Espacial Internacional ou a Biosfera 2.


( 3 Votos )
 
A cura fatal

altApoiados numa suposta autoridade intelectual, os médicos aplicaram, durante centenas de anos, todo o género de tratamentos dolorosos ou ineficazes, sem nunca se questionarem.


( 2 Votos )
 
Ciência falhada

altComo qualquer actividade humana, a ciência não está livre de erros e gaffes. Seja por insuficiência de conhecimentos, devido a decisões políticas ou por obstinação, alguns investigadores teimaram em hipóteses e empreenderam projectos que, hoje, parecem irrisórios. Essa situação adquire uma dimensão particularmente grave quando surge associada a questões de saúde. Todavia, nas últimas décadas, foram seguramente as agências espaciais os organismos com maior propensão para errar. A Estação Espacial Internacional é muitas vezes alvo de críticas por os investimentos que exige não se terem traduzido em avanços palpáveis.A psicanálise freudiana e o projecto Biosfera 2 constituem, para alguns, outros grandes fracassos da ciência do século XX.


( 1 Voto )
 
Membros do Iter chegam a acordo sobre os custos

altA União Europeia e os outros seis membros do Iter (International Thermonuclear Experimental Reactor) chegaram a acordo para o financiamento do reactor, cujos custos dispararam desde que o projecto foi concebido. Segundo os termos do acordo, a UE financiará a derrapagem nos custos de construção (1400 milhões de euros), mas o Iter terá de reduzir outras despesas em 600 milhões de euros.


( 0 Votos )
 
Espaço em falso

altFoguetes que não descolam, perdas de satélites, operadores que enviam instruções erradas... Apesar do halo épico que parece envolvê-la, a conquista do espaço está recheada de equívocos, alguns dos quais se revelaram fatais.


( 2 Votos )
 
Preconceitos do orgulho

altA obstinação de alguns grupos de cientistas impediu que se reconhecesse, durante anos, o princípio da termodinâmica, que se percebesse a importância do ADN ou que se admitisse a deriva dos continentes.


( 1 Voto )
 


Pág. 15 de 15

Últimas publicações

GuiaTV

Escolha abaixo o canal.

Canal:

Data:

You need Flash player 6+ and JavaScript enabled to view this video.

Playlist: 0 | 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11

Your are currently browsing this site with Internet Explorer 6 (IE6).

Your current web browser must be updated to version 7 of Internet Explorer (IE7) to take advantage of all of template's capabilities.

Why should I upgrade to Internet Explorer 7? Microsoft has redesigned Internet Explorer from the ground up, with better security, new capabilities, and a whole new interface. Many changes resulted from the feedback of millions of users who tested prerelease versions of the new browser. The most compelling reason to upgrade is the improved security. The Internet of today is not the Internet of five years ago. There are dangers that simply didn't exist back in 2001, when Internet Explorer 6 was released to the world. Internet Explorer 7 makes surfing the web fundamentally safer by offering greater protection against viruses, spyware, and other online risks.

Get free downloads for Internet Explorer 7, including recommended updates as they become available. To download Internet Explorer 7 in the language of your choice, please visit the Internet Explorer 7 worldwide page.