Regressar ao conforto

altEra uma das características mais reconhecidas dos antigos Citroën, o conforto que proporcionavam aos seus ocupantes, quase como um tapete rolante. A ideia perdeu-se ao longo dos anos, mas, agora, a marca francesa está apostada em voltar a recuperar este importante traço do seu ADN. O trabalho já começou, com um modelo C4 Cactus a que a marca chama "laboratório avançado de conforto" e que inclui uma série de novidades destinadas a aumentar os níveis de conforto dinâmico. As investigações dos técnicos franceses incidem em três áreas principais: a estrutura do automóvel, os amortecedores da suspensão e os bancos dos passageiros.

No primeiro campo, a principal preocupação é aumentar a rigidez da estrutura à torção, limitando assim a propagação de vibrações quando as rodas encontram uma irregularidade na estrada. Para o conseguir, a Citroën utiliza métodos de colagem para complementar as soldaduras, ganhando também com isso um pouco de amortecimento de vibrações. A maior novidade são uns amortecedores com batentes hidráulicos progressivos, que evitam o efeito de ricochete quando chegam ao final do seu curso, em compressão. É uma tecnologia bem conhecida, pouco dispendiosa e usada há muito em alguns carros de competição e que, por isso, poderá facilmente ser empregue em muitos automóveis de série.

Quanto aos bancos, que são o último elo da cadeia de conforto, a Citroën está a estudar a utilização de espumas de densidade variável, começando com maior densidade, no centro do banco, para assegurar o controlo do corpo, e depois espuma menos densa, na parte superficial, para garantir um conforto imediato mais sensível. A marca francesa acredita que estas três medidas são suficientes para atingir um nível de conforto dinâmico semelhante ao que as antigas suspensões pneumáticas proporcionavam, com um custo de produção muitíssimo mais reduzido, o que lhe permitirá aplicá-las a um leque muito alargado de modelos, dos mais caros aos mais baratos. Mais um exemplo de que, por vezes, é melhor pôr a cabeça a funcionar do que começar logo a gastar muito dinheiro.

 

SUPER 220 - Agosto 2016

Leia a SUPER numa das nossas versões digitais:

http://www.superinteressante.pt/digital


( 0 Votos )
 

GuiaTV

Escolha abaixo o canal.

Canal:

Data:

You need Flash player 6+ and JavaScript enabled to view this video.

Playlist: 0 | 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11

Your are currently browsing this site with Internet Explorer 6 (IE6).

Your current web browser must be updated to version 7 of Internet Explorer (IE7) to take advantage of all of template's capabilities.

Why should I upgrade to Internet Explorer 7? Microsoft has redesigned Internet Explorer from the ground up, with better security, new capabilities, and a whole new interface. Many changes resulted from the feedback of millions of users who tested prerelease versions of the new browser. The most compelling reason to upgrade is the improved security. The Internet of today is not the Internet of five years ago. There are dangers that simply didn't exist back in 2001, when Internet Explorer 6 was released to the world. Internet Explorer 7 makes surfing the web fundamentally safer by offering greater protection against viruses, spyware, and other online risks.

Get free downloads for Internet Explorer 7, including recommended updates as they become available. To download Internet Explorer 7 in the language of your choice, please visit the Internet Explorer 7 worldwide page.